Interact - Gestão de Negócios

O GOLPE DO CLIENTE PARTICULAR QUE “VIRA” DE CONVÊNIO


Pacientes particulares usualmente pagam suas consultas em dinheiro ou cheque. Depois da consulta ou procedimento pago o paciente é registrado como sendo de convênio.

Ao se verificar a falta do pagamento para a clínica, a desculpa é de “extravio” da guia do convênio.

COMENTÁRIO DA ESPECIALISTA:

A separação de funções dos funcionários da Clínica pode dificultar bastante esse tipo de golpe: quem registra o paciente e preenche seu cadastro não deveria ser a mesma pessoa que recebe os pagamentos pelos serviços prestados.

Essa divisão de funções dificulta o golpe na medida em que mais pessoas precisariam estar envolvidas.

Um sistema de gestão (software) na Clínica que registre quem faz alterações na ficha cadastral do paciente também poderá ser um inibidor, uma vez que há possibilidade de se rastrear o histórico da movimentação desse cadastro do paciente, levando assim ao responsável pela alteração, que provavelmente está envolvido nesse tipo de golpe.